Gasolina aditivada vale a pena? Como escolher a melhor?

A gasolina aditivada foi criada para proporcionar um consumo melhor para o carro. Ela possui diversos aditivos que tem propriedades detergentes e dispersantes, limpando os resíduos deixados pela gasolina no motor. Desta forma, sem o acúmulo dos resíduos, o líquido flui rapidamente e com mais eficiência.

O combustível aditivado melhora consideravelmente o rendimento do motor, pois sua produção tem como objetivo potencializar a queima de combustível e o sistema de injeção. A principal característica deste tipo de gasolina é limpar o caminho por onde ela passa, por isso se tornou muito popular. Apesar do seu preço um pouco mais elevado do que da gasolina comum, a aditivada trás muitos benefícios para o veículo, o que acaba compensando o custo, em diversas situações. Entretanto, isso precisa ser discutido.

Grandes empresas como Shell, Ipiranga e Petrobras produzem gasolinas com aditivos, e elas são as mais comuns. Muitas pessoas ainda tem dúvidas acerca de qual gasolina aditivada é melhor, e se elas valem a pena. Por isso, neste post iremos falar um pouco sobre esse assunto.

Aditivada vale a pena? Qual eu devo escolher?

Todo e qualquer combustível pode ser interessante e as vezes o que é necessário é apenas escolher o melhor para o seu, não havendo uma regra específica. Todos os veículos respondem aos combustíveis de forma diferente, e isso deve ser consultado no Manual do Proprietário. Com a gasolina aditivada a situação é a mesma e isso exige que exista uma reflexão em cima de todas essas questões.

O custo desse combustível é maior, porém ele dará um melhor rendimento para o seu motor e essa é uma grande vantagem. Os aditivos incluídos na gasolina farão com que o consumo seja melhor e ainda vai limpar os pequenos resíduos que ficam no seu tanque, como foi dito acima. Já que a gasolina comum pode vir com pequenos detritos que com o tempo vão deixar o tanque bem sujo.

A gasolina aditivada fará essa limpeza, ou seja, dá ao motor um combustível de melhor qualidade. Isso fará com que o seu motor trabalhe de uma forma coesa, limpa e isso refletirá diretamente num melhor consumo, ou seja, é extremamente vantajoso.

É um investimento de alguns centavos a mais, porém dará bons resultados para o consumo, motor e no fim será um grande diferencial para você. O importante de lembrar é que para o carro apresentar um comportamento muito diferente do que tinha quando abastecido com gasolina comum, ele precisa ser abastecido com no mínimo quatro tanques da aditivada, que é quando o produto começa a fazer seu trabalho corretamente. Ademais, a gasolina aditivada não valerá a pena se você mistura-la com a comum.

Atualmente no Brasil cada posto tem o direito de vender a gasolina e adicionar seus aditivos. Em alguns casos essa mistura virá pronta, já em outros não. Dessa forma, fica complicado de citar se existe uma melhor do que a outra, pois existem modificações feitas que podem adulterar a qualidade inicial da gasolina.

Como escolher a melhor gasolina aditivada?

É necessário mostrar que a gasolina aditivada pode ser igual ou mesmo diferente, e há essa variação porque a bandeira desse posto pode mudar. Para sabermos analisar a gasolina mesmo com estas variações, é preciso fazer as contas e decidir aquilo que é mais indicado para a sua situação. Por exemplo: digamos que exista a opção de adquirir o combustível de dois postos perto da sua casa, faça algumas contas.

O ideal é encher o seu tanque e rodar até ficar na reserva, quando isso acontecer será o momento de fazer as contas e anotar a quilometragem, sem esquecer do valor gasto. Em seguida, faça o mesmo com o outro posto e também faça as anotações que forem devidas.

Por fim, será o momento mais adequado de fazer as contas e dividir o valor gasto pela quilometragem rodada. A conta vai mostrar o posto que tem a gasolina aditivada, ou seja, a que te faz rodar mais quilômetros gastando menor. Procure apenas dirigir da mesma forma e se for possível faça isso na estrada, porque o tráfego normalmente será o mesmo.

No mercado existem gasolinas aditivadas muito boas, como a Grid, da BR Distribuidora (Petrobras). Ela, além de fazer a limpeza comum a todas gasolinas aditivadas, também possui um redutor de atrito que aumenta a lubrificação, diminuindo o desgaste das peças. Ademais, ela também tem o teor de enxofre menor que as demais. É considerada uma gasolina de alto nível. Já a Shell fabrica a V-Power, que tem a promessa de deixar seu motor 80% mais limpo já no primeiro tanque.

Ou seja, existem gasolinas muito boas, e não se pode determinar qual é a melhor simplesmente olhando a fórmula. A gasolina varia com o veículo, nas circunstâncias que ele é utilizado. Por isso, é importante que cada motorista sinta como seu automóvel vai reagir nas mais variadas situações, pois o condutor também influência no rendimento do carro.

Faça o teste que citamos acima, e aí sim você saberá qual das gasolinas recomendadas é melhor para você! Tem mais alguma dúvida? Comente aqui.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *