Qual a Melhor Cera Automotiva? Como Escolher Uma para o Meu Carro?

Todos os automóveis devem ser bem cuidados, para que mantenham uma boa aparência e também possam ser valorizados no mercado. Logo, é preciso optar por bons produtos para o seu carro, na hora da higienização, que não sejam prejudiciais à pintura e material externo. Não é recomendado utilizar sabões agressivos, e buchas que possam arranhar a pintura. No caso das ceras, produtos que são usados para deixar o carro com uma aparência mais brilhosa, limpa e protegê-lo dos arranhões superficiais, elas devem ser bem escolhidas para que não prejudiquem os veículos.

É preciso conhecer o seu carro, e escolher pela melhor cera para ele, pois nem toda cera é benéfica para todos os veículos. Porém, é possível conhecer os produtos que são mais utilizados e requisitados pelo mercado, como a cera de carnaúba e a cera Grand Prix.

Escolhendo a cera para o seu carro

Antes de comprar uma cera para o seu carro é preciso entender qual produto apresentará melhor benefícios para você, pois cada cera é específica para um veículo. Existem tanto ceras líquidas quanto em pasta e em spray, e elas apresentam as suas diferenças.

A cera líquida possui menos solvente do que as demais ceras, e por isso é recomendado o seu uso para a higienização mensal o veículo. A aplicação é muito fácil, basta lavar o seu carro normalmente, seca-lo e passar a cera no exterior, com um pano. Este produto pode remover arranhões menores nas pinturas, e também protege o verniz. Ademais, o tempo para passa-la, comumente, é de no máximo 30 minutos.

Saiba qual a melhor cera para o seu veículo

A cera 3m de Carnauba é uma ótima opção para quem deseja um produto em pasta, e que dê muita proteção ao veículo.

Porém, a cera líquida demora algum tempo para secar, e caso o carro esteja em algum local em que caia poeira ou folhas, elas podem grudar no exterior. Ainda, esta cera protege menos os veículos.

Já a cera em pasta é um produto mais bem elaborado, e também que possui um custo mais alto. Sua proteção é maior, no que é relativo aos arranhões mais profundos. Porém, sua aplicação é mais demorada e deve ser mais cuidadosa, pois pode acumular em certos locais do veículo. Se aplicada errada, a cera em pasta pode não apresentar uma cobertura homogênea e até mesmo ocasionar manchas na pintura.

Ademais, como a cera em pasta apresenta mais proteção, ela também tem diversos agentes químicos em sua composição. Se aplicada constantemente nos carros, ela pode agir retirando o verniz.

Por último, a cera em spray é prática e possui aplicação rápida. Porém, ela não cria uma grossa camada de proteção, como a cera em pasta, ou mesmo retira arranhões. A cera em spray é ideal para dar brilho ao veículo, criando uma fina camada de proteção.

Assim, após decidir se irá aplicar a cera líquida ou em pasta, é hora de escolher qual o produtos é o mais adequado para o seu veículo. Abaixo iremos falar sobre as melhores ceras automotivas, e quais as recomendações de utilização.

Cera de Carnaúba 3M Sem Silicone

A cera de carnaúba é composta por óleos naturais, retirados na própria carnaúba. Ela dura de 7 a 8 semanas, e dá ao carro um brilho profundo, sem o aspecto fosco, além de alta proteção. A cera de carnaúba é a melhor para encerar o seu carro, pois ela é natural, sem ingredientes sintéticos. Porém, evite as ceras que contenham silicone, pois este pode formar uma camada que retém a sujeira embaixo. Uma boa opção é a Cera 3M Polidora Sem Silicone.

Cera Grand Prix Tradicional

A Cera Grand Prix é uma das mais vendidas no Brasil, pois esta marca é reconhecida no mercado automotivo. Ainda, ela possui carnaúba na composição, apesar de ter outros componentes sintéticos. Segundo o teste feito pelo Auto Esporte, uma lata rende bastante e o preço de R$ 16,20 apresenta um ótimo custo benefício.

Tanto a 3M quanto a Grand Prix também possuem produtos líquidos e em spray, com a mesma composição dos citados acima. Porém, para uma proteção profunda, são recomendadas as ceras em pasta. Ainda, outra opção é a cera Carnu Johnson. Entretanto, esta merca possui silicone em sua composição, o que pode ser prejudicial.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *