O que é Drive by Wire, o Acelerador Eletrônico?

A tecnologia evoluiu muito nas últimas décadas em todo mundo e também no setor automotivo. No passado os carros 1.8 tinham a potência de carro 1.0 de veículos de hoje, por exemplo. Isso se dá pelas inovações aplicadas e o acelerador eletrônico (Drive by Wire) é uma delas.

O funcionamento do acelerador eletrônico é semelhante ao outro em termos de usabilidade, porém com alguns pontos que são bem mais acertados do que o anterior. O sistema Drive by Wire traz respostas melhores e o funcionamento melhor de todo o conjunto mecânico. Para entender tudo sobre o acelerador eletrônico, continue lendo.

O que é o acelerador eletrônico (Drive by Wire)?

Nos fóruns de internet, é comum encontrar comentários citando que o acelerador eletrônico (drive by wire) não é tão efetivo. Os participantes acreditam que a resposta do motor será mais demorada, ou seja, deixa a dirigibilidade ruim. Obviamente que esse tipo de visão não é generalizado, porque se o carro oferecer um modo de direção “sport”, ele deixará a resposta mais rápida, alterando a maneira que o motorista percebe a aceleração.

Antigamente, o pedal do acelerar puxava um cabo que abria o famoso corpo de borboletas, permitindo, assim, a admissão de ar ao motor. Já no acelerador eletrônico (Drive by Wire), a conexão entre o acelerador e o corpo de borboletas será todo por fiação elétrica. O potenciômetro fará a identificação da posição desse acelerar e assim enviar um sinal para a central eletrônica do veículo.

Essa central irá fazer um cruzamento com as demais informações, por exemplo: rotação do motor referente a posição do comando das válvulas variáveis. Após isso, um comando é enviado e o corpo de borboletas é aberto, permitindo um melhor funcionamento.

Obviamente que a sensação de a resposta ser demorada terá relação com o controle da admissão. Isso não tem relação direta com o sistema, mas em relação com o sistema eletrônico ter o foco para o conforto do motorista, e não a esportividade.

Compensa ou não?

O acelerador eletrônico trará muitas vantagens. Para deixar tudo mais simples, é preciso conferir e abaixo será possível ter acesso aos benefícios principais:

acelerador eletrônico

O  sistema de acelerador eletrônico traz respostas lentas, mas homogênias

  • Libera a potência de forma suave e reduz o consumo do veículo;
  • Não permite o “Lugging”, portanto, não vai deixar o veículo acelerar com o motor em rotação baixa e ainda sem redução de marcha. Isso é o maior responsável pelos problemas referentes as bronzinas;
  • Aliviará a potência nas trocas de marchas, reduzindo os trancos e deixando a condução muito mais confortável;
  • A versatilidade na localização do pedal de acelerar será maior, porque não será preciso ter uma ligação entre o motor e o pedal;
  • Permite que o controle de cruzeiro possa ser utilizado sem maiores problemas.

Infelizmente nem tudo são flores. A principal desvantagem está ligada ao valor de manutenção, pois o acelerador eletrônico tem um custo maior quando necessário educação. Especialmente relacionado as trocas do corpo de borboletas eletrônica, porque pode custar até três vezes mais.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *