Códigos dos óleos: O que significa as letras e números?

Durante a troca de óleo, encontramos diversas marcas, cada uma com suas formulações mas obedecendo regulamentações e especificações comuns como, por exemplo, SAE 20W 40. Você sabe o que essa sigla significa? No texto de hoje, explicamos tudo direitinho para você. Assim, você pode escolher o óleo ideal para o seu carro.

A troca do óleo é uma das manutenções mais comuns a serem feitas no carro. Enquanto o processo de trocar o óleo é relativamente simples, encontrar o tipo de óleo ideal precisa de cuidado pois os danos podem ser grandes e caros para reparar. Não confie apenas na memória do mecânico ou na etiquetinha da troca anterior. Confira no manual e site dos fabricantes para a escolha correta.

Decidido qual o óleo usar, você precisa prestar atenção as siglas presentes nas embalagens do óleo. Você sabe o que cada sigla representa? Não se preocupe, pois hoje explicaremos tudo para você. Confira abaixo tudo sobre as siglas presentes nas embalagens de óleo lubrificante para motor, e saiba como escolher o óleo ideal para o seu carro:

Classificação SAE

Esse modelo de classificação foi estabelecido pela Sociedade dos Engenheiros Automotivos dos Estados Unidos. Sendo que esse modelo classifica os óleos de acordo com a sua viscosidade. A viscosidade do óleo é indicada por um número, que quanto maior for, mais viscoso será este óleo. Os lubrificantes classificados pela SAE são divididos em três categorias, verão, inverno e multiviscoso.

oleo de motor

NEstes exemplos, óleos SN 5W 30, SL 5W 30 e SL 20W 50.

Tenha em mente que a viscosidade do óleo pode alterar de acordo com a temperatura, por isso, é importante usar o tipo ideal para a sua região. A SAE divide os óleos nos 3 tipos abaixo. E agora, te explicaremos com exemplos como ler os códigos do óleo:

Óleo de verão: Seguido apenas do número da viscosidade, geralmente é a primeira sigla que aparece na embalagem. SAE 20, 30, 40, 50 e etc. Essa sigla indica o número da viscosidade do óleo para o verão.

Óleo de inverno: SAE 0W, 5W, 10W, 20W e etc. Perceba que dessa vez, temos o acréscimo de um W na frente. Este W vem de winter (inverno em inglês). Ou seja, esse valor mostra a viscosidade do óleo indicado para o inverno, ou regiões mais frias.

Óleo multiviscoso: Já o óleo multiviscoso é o mais recomendado, pois esse atua tanto no inverno como no verão. Sua classificação se dá por SAE 5W 30, 20W 40, 30W 50, 40W 60 e etc.

Pegamos o exemplo SAE 20W 40. Essa classificação indica que o óleo tem a viscosidade 20 para o inverno e 40 para o verão. Dessa forma, esse óleo atua como um óleo de 20W no inverno, o que reduz o desgaste das partidas no frio. E também atua como um óleo de viscosidade 40 no verão, o que demonstra uma faixa de utilização muito ampla. Sendo assim, os óleos multiviscosos são os mais recomendados, devido a seu funcionamento em várias temperaturas.

Classificação API

Já a classificação API foi estabelecida pelo Instituto Americano de Petróleo dos Estados Unidos. Esse modelo busca classificar os óleos lubrificantes de acordo com o seu desempenho. A classificação de acordo com a API funciona com duas letras, onde a primeira indica o tipo de motor em que o óleo trabalha. Já a segunda, o nível de eficiência do motor. Quanto mais alta no alfabeto for a letra, melhor será o desempenho do óleo no seu motor.

A primeira letra indica o tipo de motor em que o óleo será utilizado, conforme segue abaixo:

Letra S: A letra S indica carros de passeio, valendo para motores movidos a gasolina ou álcool.
Letra C: Já a letra C indica os veículos movidos a diesel.

Após identificar qual o tipo de motor ideal para ser aplicado o óleo, precisamos verificar o índice de desempenho. Como falamos acima, a segunda letra indica a qualidade do óleo. Esse fator é indiferente quanto a marca, uma mesma marca pode ter óleos das mais variadas qualidades.

Quanto maior a segunda letra, de acordo com o alfabeto, melhor será o rendimento do óleo. Sendo assim, temos a seguinte classificação:

  • SM – Óleo para carro básico, a gasolina ou flex, com melhor índice de desempenho.
  • SL – Óleo indicado para carros mais antigos, com motores de 2004 para trás.
  • SJ – Para motores anteriores a 2001.
  • SH a AS – Esses óleos já ficaram obsoletos, uma vez que o motor indicado para esse tipo de óleo é muito antigo.

Agora você já sabe identificar as siglas nos óleos de carro. Fique atento ao manual do proprietário, onde lá você descobre qual o tipo de óleo ideal recomendado para o seu motor. Com essas dicas, você terá a certeza de que está fazendo a escolha ideal para o seu carro.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *