Bomba de Combustível- Carro Não Pega ou Morre, o Que Fazer?

Após alguns anos de uso, os veículos podem perder a força na hora da partida, não pegar ou até mesmo morrer em momentos inusitados, inclusive no trânsito. Comumente, estes problemas estão relacionados à bomba de combustível, uma peça responsável por bombear o combustível para o motor. Desta forma, a bomba está diretamente relacionada à combustão e ao funcionamento do veículo. Quando esta peça apresenta problemas, a pressão e também o fornecimento do combustível são afetados.

Alguns sintomas básicos demonstram que a bomba de combustível está com problemas, como o carro engasgando em altas velocidades, motor sem potência em locais inclinados, etc. Porém, a característica mais acentuada que expõe a falha nesta peça é, como mencionado, o carro falhando e morrendo constantemente. Confira abaixo mais sobre esta questão e o que fazer, nesta situações.

Defeito na Bomba de Combustível

A bomba de combustível é uma peça muito importante para o veículo, pois ela promove o funcionamento deste. Esta peça tem a função de bombear combustível para o motor, na pressão correta, para que a combustão possa ser realizada e, assim, o carro comece a funcionar. Se a bomba está com problemas, isto significa que o carro terá problemas no que se tange à distribuição e injeção de combustível, pois a mistura de ar e combustível nos cilindros será afetada.

Um dos principais problemas que são ocasionados por defeitos na bomba de combustível é o carro falhando e morrendo constantemente. E, quando isto acontece, a peça deve ser substituída, para que passe a funcionar corretamente. Isso porque ou a peça estará muito danificada ou terá quebrado completamente, não cumprindo as suas funções em ambos os casos.

Saiba como substituir a bomba de combustível e quais as principais falhas.

Saiba como substituir a bomba de combustível e quais as principais falhas.

Quando a bomba apresenta falhas, ela também pode ter dificuldade para atingir altas velocidades, e engasga quando chega nestas, além de ter gastos excessivos de gasolina. Todos estes defeitos podem ser ocasionados pelo desgaste da bomba, visto que elas possuem a validade apenas de 100 mil quilômetros. Também, o uso de combustível adulterado pode prejudicar a bomba e proporcionar um mal funcionamento desta.

A gasolina pode ser adulterada com água e etanol, enquanto o etanol pode ser modificado com água. E, ambos estes combustíveis podem ser adulterados com solventes. Os solventes afetam diretamente o sistema de alimentação e podem até mesmo entupir a bomba. Por isto, abasteça o seu veículo apenas em postos seguros e de confiança, pois pode-se ter um grande risco da gasolina ser adulterada e esta diminuir a vida útil da bomba de combustível.

Outra questão que também pode danificar a bomba de combustível é utilizar o veículo com o tanque na reserva. É recomendado que o tanque esteja com, no mínimo, ¼ de combustível para que não ocorram prejuízos à peça.

Qual o custo de trocar uma bomba de combustível?

Como mencionado, sempre que perceber um defeito no veículo que pode estar relacionado à bomba de combustível, é preciso procurar um mecânico para que este peça seja substituída. O preço da bomba de combustível varia de acordo com o modelo do veículo, combustível utilizado, marca da bomba, etc.

Por exemplo, a bomba de combustível Chevrolet Celta 1.0 Flex pode custar entre R$ 181,00 e R$ 203,00, enquanto a do Citroen C3 1.5 Flex varia entre R$ 267,00 a R$ 290,00. Por isto, algumas peças podem ser mais caras do que outras, de acordo com o veículo. Também, deve-se levar em consideração que também é cobrada a mão-de-obra do profissional, que gira em torno de R$ 80,00.

A troca é feita removendo o banco traseiro do veículo, para acessar o módulo de combustível. Depois, é preciso retirar a tampa plástica e remover o conector elétrico do módulo. Após isto, deve ser dada a partida no carro até ele morrer, para que não vaze combustível.

Por fim, é preciso desenroscar a porca de fixação do módulo, remover todo o conjunto e substituir a bomba de combustível. Após estes passos, é preciso apenas remontar o conjunto.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *