Ponteira, silencioso, catalisador e abafador: quais as diferenças no escape?

Muitas pessoas pensam que ter uma moto é muito simples, que por ser um veículo bem menor que um carro, não tem muito o que se preocupar. Mas isso não é verdade. Assim como os carros, as motos demandam muita atenção de seu dono e tem muitos detalhes a serem observados.

O sistema de escape é um dos itens que merecem atenção, tanto em carros, como em motos. Ele é responsável pela emissão dos gases formados pela combustão. E o seu mau funcionamento pode ocasionar danos no motor e podem influenciar no uso do combustível.

Se você gosta de moto com aquele barulho de motor esportivo, pode trocar o escapamento, como já falamos aqui no blog (acesse o link para saber como fazer a escolha do escapamento esportivo para sua moto). Mas são muitos os itens que estão associados ao escape. Para tirar as dúvidas dos leitores, hoje veremos as diferenças entre ponteira, silencioso, catalisador e abafador e como funcionam no escape da moto.

Ponteira

A ponteira é uma das partes do escapamento. Você já deve ter observado que o escape de uma moto é formado por uma junção de canos, e tem um “acabamento” no final. Esse “acabamento” é a ponteira. Ela é parte importante do escapamento, pois é responsável pela emissão dos gases produzidos pela combustão.

Nas motos mais baratas, o cano está junto da ponteira, formando uma peça única no escapamento. Já as motos mais caras possuem várias peças, que se juntam para formar o sistema de escape. Para modificar o barulho que a moto faz, o motociclista pode optar por trocar somente a ponteira, colocando um modelo esportivo. Mas se deseja melhorar a qualidade do motor, deve trocar todo o escapamento.

A ponteira também está ligada à estética da moto, pois deixa o veículo mais bonito. Como são vários modelos no mercado, o motociclista pode escolher a que acha mais atraente para sua motocicleta.

Saiba tudo sobre o escapamento das motos

Saiba tudo sobre o escapamento das motos

Silencioso

O silencioso é instalado no escape da moto para diminuir os ruídos. Seu funcionamento se deve à presença de vários canos compactados, e o barulho é reduzido devido a distância entre a “boca do cano” e o conector de exaustão.

Abafador

O abafador diminui a altura dos sons produzidos pelo escape. Essa diminuição é feita por uma câmara de ressonância, que usa o cancelamento como arma para isso. O abafador tenta cancelar todos os sons, mais faz isso melhor com os agudos.

Catalisador

É importante falar também do catalisador, outra parte fundamental do escape, pois é responsável pela diminuição dos gases poluentes. Hoje em dia, é obrigatório que os veículos saiam de fábrica com o catalisador instalado. Ele funciona como um purificador, modificando o gás produzido pela combustão e liberando um gás mais puro e limpo. É muito importante para o meio ambiente.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *