Aluguel de carro: Vale a pena?

Ter um carro próprio é um sonho de consumo de muitos brasileiros. Além de todos os benefícios de poder se locomover de automóvel, não dependendo de transporte público ou táxi, a compra do bem muitas vezes é vista como um sinal de ascensão social, causando até mesma certa mudança no status do dono do veículo.

Entretanto, os custos para manter o veículo vão muito além do valor da compra. Seguro, licenciamento, IPVA, depreciação, DPVAT, manutenção, inspeção, entre outros. A lista de gastos é grande, e deve ser considerada para quem deseja investir na compra de um automóvel. Isso faz com que ter carro próprio acabe sendo um negócio viável financeiramente apenas para quem usa bastante no dia a dia.

Mas não significa que aqueles que não usam carro cotidianamente tenham necessariamente que optar entre arcar com esses custos para ter o conforto de um veículo próprio sempre que precise ou depender de transporte público ou táxi.

O aluguel de carros pode ser uma ótima opção para essas pessoas, que não abrem mão de ter um veículo disponível em certos momentos, mas não o usam regularmente, e não têm a intenção de arcar com todos os gastos de um automóvel próprio.

Custos do aluguel de carro

Aluguel de Carros

Alugar carros pode ser uma boa opção em alguns casos

O preço do aluguel de carros varia de acordo com o tipo de veículo, o modelo, ano de fabricação, acessórios, como ar condicionado, tipo de motor e direção, quantidade de portas e lugares para passageiros, entre outros fatores. Em São Paulo, a diária de um para um carro dos mais simples, como um Gol 1.0, ou similares, costuma variar de R$ 80,00 a R$ 100,00. Esse seria o valor básico, e cresce conforme aumenta a qualidade do veículo, indo até aos carros de luxo. O site carroaluguel.com é uma ótima opção, para pesquisar e comparar os melhores preços.

Além das diárias, que normalmente contam com quilometragem livre, é possível também alugar com quilometragem controlada, na qual é pago um valor para a diária, e outro a mais para cada quilômetro percorrido. Para escolher, o ideal é considerar para que você usará o carro, qual será o seu trajeto, e ver qual vale mais a pena. Para maiores percursos, como viagens, a primeira opção é melhor, já para pequenos trajetos do dia a dia, talvez a segunda seja mais vantajosa. Avalie e veja a que melhor se enquadra para cada caso.

Há ainda os custos com o combustível. Ao alugar um veículo, você o recebe com o tanque cheio, e antes de devolvê-lo deve encher o tanque novamente. Caso não o faça, a própria locadora reabastecerá o carro, e o custo será cobrado de quem alugou. Normalmente, o valor do litro cobrado na locadora é maior do que no posto, por isso vale muito mais a pena você mesmo reabastecer.

Quando vale a pena alugar?

Como já dito, uma das situações em que vale a pena financeiramente alugar um carro, ao invés de ter um veículo próprio, é para aquelas pessoas que não utilizam muito o automóvel do dia a dia, usando apenas algumas vezes durante o mês, como nos fim de semana ou em ocasiões extraordinárias.

O custo anual para manter um carro popular pode chegar aos R$ 11.000,00, isso sem contar o valor pago na compra do veículo. Por isso, caso você não use carro diariamente pode ser mais viável alugar, nas vezes em que for precisar.

Além disso, o preço médio das diárias (a partir de R$ 80,00) é mais ou menos o valor de uma corrida de táxi da Avenida Paulista ao Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Com a diferença de que com o aluguel você fica com o carro disponível para rodar o dia inteiro. Esta é umas das situações em que pode valer mais a pena alugar um carro do que depender de táxis.

Outras situações favoráveis ao aluguel de carros é para viagens, seja para usar na cidade em que você ficará, não dependendo de táxi ou transporte público, ou mesmo para pegar a estrada. Só para citar um exemplo, em uma viagem de pequena distância, de um fim de semana, quatro amigos podem alugar um carro, pelo valor de duas diárias mais o combustível, e dividir as despesas igualmente entre eles. Pode sair mais em conta de pegar um ônibus.

Também pode ser interessante alugar carros para festas ou eventos especiais, que não acontecem sempre e portanto seriam um gasto esporádico. Além disso, essa também pode ser uma ótima ideia para fazer um test drive. Você pode alugar o veículo que pretende comprar e ficar com ele por um dia, para ver realmente se gosta.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *