Radiador seco pode fundir o motor?

Você está andando com o seu carro quando o motor superaquece. Cuidado, esse pode ser um sinal de que o radiador do seu veículo está perdendo água ou aditivo, ficando seco e comprometendo o sistema de arrefecimento do seu carro, o que pode fazer sim o motor fundir.

Mas como evitar que isso aconteça? E o que fazer caso o problema comece a ser detectado?

Como funciona o radiador

Primeiramente, é importante saber exatamente o que é o radiador, como ele funciona e qual é a sua função no motor do carro.

O radiador é o principal componente do sistema de arrefecimento do carro, responsável pelo resfriamento da água dentro do motor, mantendo a temperatura dentro dos limites aconselháveis para o correto funcionamento do veículo. A temperatura ideal para a solução arrefecedora é de cerca de 70º C nos motores à gasolina, e de cerca de 80º C para carros à álcool ou diesel.

O resfriamento se dá da seguinte maneira: A bomba d’água faz com que a solução circule pelo sistema, saindo quente do bloco do motor, e sendo resfriada nos tubos do radiador.

Motivos para os problemas

motor-fundido

Problemas no radiador podem sim fazer o motor do carro fundir.

Os principais problemas causados pelo funcionamento inadequado do radiador do veículo estão ligados a vazamentos de água e do aditivo da peça, o que faz com que ele seque e em consequência o motor superaqueça.

As mangueiras ou abraçadeiras podem estar com problemas, provocando o vazamento dos fluidos e a perda de pressão. Além disso, a tampa do reservatório pode ser outra causa, não vedando totalmente o interior do reservatório e causando a evaporação da água, além da perda de pressão. Também é possível que o vazamento esteja ocorrendo na Bomba d’água, causando a falta de circulação do fluido, e consequentemente o aumento da temperatura.

Além disso, também podem gerar o superaquecimento o entupimento da tubulação e das aletas, causados pelo acúmulo de partículas sólidas e impurezas. O mau funcionamento da válvula termostática também pode ocasionar vazamentos de água ou fluido.

Todos estes problemas são causas em potencial para o superaquecimento do motor do veículo, por causarem o funcionamento inadequado no radiador.

Consequências

A principal consequência para problemas no radiador é o superaquecimento do motor do carro. Esse superaquecimento pode fazer com que componentes e peças do veículo dilatem, causando um aumento no atrito, e, em últimos casos, até mesmo o bloqueio do movimento.

Outra consequência é o aumento da pressão no motor, podem ocasionar em rompimentos nas mangueiras, na tampa, ou boca do radiador, além de uma deterioração do óleo lubrificante.

Por fim, a pior das consequências pode ser o motor fundir. O superaquecimento é umas das causas possíveis para isso acontecer, podendo gerar até mesmo a troca completa da peça, ou da maioria dos componentes, com um custo que com certeza será bastante alto.

Como evitar?

Existem algumas dicas para prolongar a vida útil do seu radiador, evitando assim graves problemas gerados pelo superaquecimento do motor.

A primeira é utilizar um fluido/aditivo, consultando sempre o manual de proprietário do seu veículo, para ver quais tipos são mais adequados. A troca total do fluido deve ser realizada entre 6 e 12 meses. E cuidado com produtos vencidos, porque eles podem ser muito prejudiciais ao seu veículo.

Sempre verifique o nível de água no radiador. Se o nível estiver baixo pode ser sinal de vazamento. Caso isso ocorra, verifique a peça, além de mangueiras, abraçadeiras, tampa do reservatório e a bomba d’água. Além disso, evite completar o radiador apenas com água, sempre utilizando aditivo, e nunca faça isso com a peça quente.

Sempre realize a limpeza do sistema, retirando o radiador e o reservatório de água do local, lavando-os com produtos específicos para este fim. É importante trocar a água do bloco do motor, sempre que limpar o sistema.

Por fim, evite andar com o veículo quando ele superaquecer, e quando isso acontecer, leve o mais rápido possível para uma oficina de confiança, para fazer os reparos necessários. Demorar para agir pode causar graves problemas ao seu veículo, e um custo muito maior. Além disso, mantenha a manutenção em dia, esse é o melhor remédio.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *