Kia Rio Brasil 2016: Veja o que esperar do modelo

A Kia já confirmou o início da produção de seu modelo Kia Rio para abril deste ano, podendo chegar ao mercado brasileiro a partir de junho, por importação. O carro terá as versões hatch e sedã, e o preço ainda não foi informado pela marca, mas deve estar na faixa entre R$ 45 e R$ 65 mil.

O modelo se beneficiará da abertura da nova fábrica da Kia no México, em Pesqueira, próximo a cidade de Monterrey, em Nuevo Leon. Por conta de um acordo entre as duas nações, não haverá a cobrança da sobretaxa de 35% para entrada aqui no Brasil, o que ajudará a baratear e facilitar a importação de veículos da Kia como já acontece com outros veículos da Kia Motors e também de outras marcas.

O que esperar?

O Kia Rio foi apresentado pela primeira vez no salão de Paris de 2014, em sua versão hatch. Já o sedã foi revelado em Chicago. O modelo para 2016 terá visual mais alinhado com os novos Soul e Optima, com um conjunto óptico feito para lembrar olhos felinos e grade frontal integrada. A traseira, nas duas versões, é mais convencional, sem maiores novidades.

Kia-Rio-2016

KIA Ria Hatch, a versão mais usual do Rio

O para-choque frontal foi redesenhado, de forma diferencial para os dois modelos. As rodas de liga desenvolvidas para o novo Rio e suas lanternas modificadas. Há também as opções de pinturas foscas, como o azul urban e o amarelo digital.

O Kia Rio 2016 estará disponível nas versões LX, EX e SX, com a de topo de linha tendo sistema de navegação melhorado, com um sistema SiriusXM e uma nova interface, controle de tração e estabilidade.

Para o interior, o modelo contará com espuma de alta densidade nas colunas A e B, visando reduzir os níveis de ruídos e vibrações. O acabamento em volta do sistema de som e dos controles será preto, mas na versão intermediária haverá a opção de acabamento em couro sintético, costuras cinzas nos bancos, painéis de porta, apoio de braço, volante e alavanca de câmbio.

Kia-Rio-2016-2

Interior do Kia Rio semostra bem espaçoso

O hatch é mais arrojado, voltado a um público mais jovem, tendo opções de câmbio automático ou manual de seis marchas. A versão sedã, menos inovadora, terá apenas câmbio manual de seis marchas no mercado norte-americano. Para o mercado brasileiro as duas caixas de câmbio estão confirmadas, mas não há maiores informações sobre se esta separação por versão será mantida.

No México o carro será vendido com motor 1.6 Flex, semelhante ao usado no HB20, com 128 cavalos e 16,5 kgfm de torque, com o etanol.

No exterior, estão definidos como itens de série direção elétrica, freio a disco nas quatro rodas, controles de estabilidade e de assistência em rampas, chave inteligente e câmera de ré. Como opcionais, terão itens como sistema integrado a smartphones, partida por botão, trocas de marchas por borboletas no volante, bancos e revestimentos de couro e sistema Eco, para uma maior economia de combustível.

2016-Kia-Rio-sedan

Outra possibilidade do Rio é a versão sedã, com porta-malas estendido para mais bagagem.

Considerando-se os itens disponíveis, o Kia Rio 2016 terá grande vantagem em relação à versão de topo do HB20, que a priori, seria um dos seus grandes concorrentes. Pode se equiparar a rivais como Citroën C3 e Ford New Fiesta, que custam mais de R$ 45 mil em suas versões de entrada, podendo beirar os R$ 70 mil em versões mais completas.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *